Rabiscando as paredes do Sótão

Rabisco paredes a lápis para que a borracha encontre utilidade quando eu errar.

Danielson Famile - Headz in the Cloudz

sexta-feira, 27 de abril de 2007

Este vídeo fez parte de um momento importante da minha vida e me ajudou a perceber o quanto Deus não limita nossa criatividade, mas pelo contrário, Ele é a própria criatividade. Cabe a nós buscar sermos criativos como Ele é.

Postado por Seloti às 11:43 AM 0 comentários

Será que alguém a ouve?

terça-feira, 24 de abril de 2007

Ontem, dirigindo sozinho, rumo à casa da minha namorada, minha cabeça viajava e tentava encontrar soluções para uma situação que envolve uma pessoa que eu tenho aprendido a amar e sua família, quando logo após orar rapidamente por cada um dos envolvidos nesta situação, uma música começou a tocar no rádio e me chamou a atenção, primeiro pela beleza e simplicidade dos acordes (coisa de músico), depois pela autenticidade de sua letra.

Nos primeiros versos cantados pelo vocalista, percebi que se tratava de uma banda chamada Casting Crowns. Era a primeira vez que eu ouvia aquela música deles. E no pouco que pude entender com meu inglês, percebi que a música falava sobre uma menina e sobre algumas situações que ela estava vivendo.

Tive o cuidado de gravar algumas frases daquela canção na minha memória para procurar algo sobre ela na internet assim que possível.

Hoje tive uma surpresa ao buscar a letra desta música na internet e perceber o quanto Deus usa as formas mais esquisitas para dizer que está me ouvindo.

Este é um vídeo da música que eu ouvi ontem.



E aqui a letra da música e a minha tradução.
Does Anybody Hear Her
She is running
A hundred miles an hour in the wrong direction
She is trying
But the canyon's ever widening
In the depths of her cold heart
So she sets out on another misadventure just to find
She's another two years older
And she's three more steps behind

Does anybody hear her? Can anybody see?
Or does anybody even know she's going down today
Under the shadow of our steeple
With all the lost and lonely people
Searching for the hope that's tucked away in you and me
Does anybody hear her? Can anybody see?

She is yearning
For shelter and affection
That she never found at home
She is searching
For a hero to ride in
To ride in and save the day
And in walks her prince charming
And he knows just what to say
Momentary lapse of reason
And she gives herself away

If judgment looms under every steeple
If lofty glances from lofty people
Can't see past her scarlet letter
And we never even met her
Será que alguém a ouve?
Ela está correndo
A centenas de milhas por hora na direção errada
Ela está tentando
Mas o abismo é cada vez maior
Nas profundezas de seu coração gelado
Então ela embarca em outra aventura apenas para encontrar
Ela está dois anos mais velha
E três passos a mais para trás

Será que alguém a ouve? Pode alguém enxergar?
Ou alguém ao menos sabe que ela está caindo hoje
Sob a sobra da torre de nossa igreja
Com todas as pessoas perdidas e sozinhas
Procurando pela esperança que é arrancada de você e de mim
Será que alguém a ouve? Pode alguém enxergar?

Ela está ansiando
Por abrigo e afeição
Que ela nunca encontrou em casa
Ela está buscando
Por um herói para curtir
Pra curtir e salvar o dia
E no seu caminho um príncipe encantado
E ele sabe exatamente o que dizer
Lapso momentâneo da razão
E ela se entrega

Se juízo surge sob cada torre de igreja
Se olhares altivos de pessoas altivas
Não podem ver além de suas letras escarlates
E nós nem ao menos a conhecemos

Postado por Seloti às 4:45 PM 2 comentários

WAPARIZI

quinta-feira, 12 de abril de 2007

"Eu preciso malhar. Eu vivo dizendo isto toda a hora. Eu vivo dizendo que eu preciso começar a malhar. Faz aproximadamente dois meses desde que eu malhei. E eu simplesmente não tenho tempo. Que... é estranho. Porque eu tenho tempo para sair para jantar. E... e assistir tevê. E fazer um teste de densidade dos ossos. E... tentar descobrir que palavras soletradas meu número de telefone forma." - Ellen DeGeneres

Eu me sinto assim muitas vezes ao dia. Seja com relação às minhas atividades profissionais, ou aos amigos mais distantes que não visito há tempos, seja com relação aos meus projetos pessoais, ou com relação ao Sótão, minha família, ler a Bíblia, e até mesmo com meu Deus.

Procrastinação, existe cura para esta doença? Ou isto é apenas fruto de uma sociedade hiperativa? Será que Deus previu isso quando inspirou seus profetas? Será que acho solução pra este mal na Bíblia?

A propósito, WAPARIZI!! É esta a palavra que o número do meu telefone forma...